Jornalistas abutres

   Eu sei que o mundo no século XXI é feito de informação.Tanto é assim, que boa parte das ditaduras que vivemos não são mais no campo da força física, mas das idéias.Ou seja, hoje em dia palavras e hábitos podem tornar-se poderosos sobre um ser humano.Eu bem sei que num mundo assim, comunicação é a palavra-chave, já que uma pessoa que não tem acesso à informações acaba criando uma imagem distorcida da realidade.Mesmo assim, não consigo me conformar com o modo como as informações chegam até nós: mastigadas, pintadas, maquiadas, exageradas, fedorentas.

   Um exemplo é o que se vê em qualquer jornal/telejornal nessas últimas semanas : Crise x Caso Eloá.É tão repetitivo quanto o esquecido caso Isabela, a crise dos alimentos, as tsunamis, as eleições, os mensalões e assim vai.Claro que quando trabalhamos com jornais, nós temos que dar preferência para temas atuais, isso é de praxe, mas o resto merece ser tão esquecido?E o desfecho de todas essas situações, tão repetidas na mídia?Ninguém sabe, nem o Lula.

Oba, Manchete!

Alguém morreu: Oba, Manchete!

   A verdade é que isso funciona como uma novela, prontamente analisável : uma notícia chocante(introdução) >>acompanhamento 27h por dia do caso >> exploração exaustiva da mídia >> a Justiça “resolve”, todo mundo esquece.Ou seja, ao invés de funcionar de maneira útil, é um sensacionalismo barato e CHATO.É tão CHATO que depois de 3 semanas, ninguém mais aguenta ouvir e ler as mesmas coisas.Umas pessoas fixam isso de maneira robótica,enquanto outras simplesmente mudam de canal.

   Os meios de comunicação exploram as tragédias de maneira verdadeiramente sádica.Não acredita?Abra a página policial do seu jornal diário, você verá sangue, falta de respeito com os mortos/familiares e uma verdadeira indústria do horror.Sendo assim, como levar esse meio à sério,já que parece mais uma sessão de filmes de terror japoneses do que uma fonte de informações?Uma notícia chocante de homicídio, suicídio atrai jornalistas feito moscas atrás dos cadáveres, onde está a ética?No bolso cheio de dinheiro(sujo de sangue) é que não está.

Anúncios
Etiquetado , , , , , , ,

8 pensamentos sobre “Jornalistas abutres

  1. Fábio disse:

    “Uma notícia chocante de homicídio, suicídio atrai jornalistas feito moscas atrás dos cadáveres(…)”
    Não só os jornalistas,mas a maior parte dos brasileiros também.As pessoas gostam de ver esse tipo de coisa.Teve um acidente de carro na sua rua?Todos os moradores correm,paralisam seus afazeres domésticos e etc.,para rodearem o local do acidente.Não tiveram mortos?Um bom número de pessoas volta aos seus afazeres.Mas alguns ainda continuam,querem ver os estragos nos carros,querem saber o culpado,etc.,etc.Sem muitos estragos?Mais gente vai embora.
    Na TV,isso dá audiência.Nos jornais,vende exemplares.É assim que a coisa funciona.Infelizmente…

  2. Essas coisas me agridem de uma forma tal, que me acalenta saber que não estou só nesse sentimento!
    Enquanto ficam com o rabo no sofá, se alimentando no prato-feito da desgraça alheia, as pessoas não tomam atitudes e continuam sendo manipuladas pelo lugar-comum. Não percebem que estão apenas reproduzindo: a “opinião” que emitem é, na verdade, o discurso da reprodução…
    Eu estou no mundo com a vontade, mesmo com 43 anos, de fazer diferença. Me choco vendo crianças acompanhando a desgraça alheia, se acostumando com a violência… a postura da amiga da Eloá, de retornar ao cativeiro, é prova de que a violência não assusta mais!
    Triste é isso!

  3. Fique e escreva a vontade!
    Eu também quando me empolgo…
    Beijos!

  4. Carolina disse:

    Verdade. E o mais impressionante é como as pessoas reagem a essa bomba de informações dos jornais. Elas já não se escandalizam com as fotos. Muitas vezes nem leêm o texto. E isso acaba prejudicando o conteúdo do jornal, já que os jornais enfatizam notícias que possam dar mais lucro. è triste a realidade da impressa.

  5. nossa!
    E o pior…. isto permanece porque tem gente que dá valor. infelizmente.

    espero não ter que passar o resto dos meus dias vendo jornalistas abutres me cercando, e, muito menos, ser uma

    beijos

    mudei o endereço do blog.

    jamevudecanoa.blogspot.com
    já add de novo :}

  6. Renata Ramos disse:

    olá

    Tem um presente lah no blog pra vc,quando puder passa lah e da uma olhada.

    Bjus.

  7. teencontrodepoisdachuva disse:

    espero não ser nunca uma jornalista abutre, repito.

    Sim pra fim de papo. como o meu blog tava com problemas eu fiz um novo
    agora aqui no wordpress.

    http://teencontrodepoisdachuva.wordpress.com/

    já ta linkado de novo 🙂
    beijos

  8. Fabiana Tavares disse:

    Não só jornalistas são abutres…. já foi comprovado que a maioria da população mundial gosta de ver a desgraça alheia…. infelizmente….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: