Brinquedos no natal.

Natal, época de consumismo, aumento do índice de criminalidade, publicitários enlouquecidos, comerciantes enriquecendo.Enquanto todos os dias somos bombardeados por milhões de propagandas, nessa época, em especial, elas tornam-se direcionadas ao público infantil.

Claro, não tem pai que aguente ouvir um “Por favor papaii!Eu quero, eu quero, quero!”.E como andam os brinquedos de hoje, não?Esqueça o pré-histórico pião, as inocentes bonecas de pano, o pega-varetas,carrinho de rolimã.Veja como andam os brinquedos atuais:

Brinquedos de Meninas

Boneca- Bebê Esqueça aquelas bonequinhas de pano inofensivas.Agora todos obrigatoriamente tem pilhas,canta, roncam, soltam gases, dançam e falam 1092019 idiomas!O que a criança pode fazer: nada.É só ligar e ficar olhando.Que divertido!!!

Boneca clássica Barbies e Suzis comandam com seu estilo clássico.A Barbie se sustenta com as bonecas dos seus filmes cheios de purpurina,castelos, pôneis e cristais.E a Suzy?Bem, a Suzy tenta pegar uma fatia do mercado com seus modelos mais baratos e mais cafonas.O que você esperaria de uma cópia brasileira e cabeçuda da loira americana patricinha?

Boneca pré-adolescente precoce Bratz e genéricas.São mais cabeçudas que as Suzis.Apresentam cabelos e roupas “descoladas” e curtas.São feitas para garotas “antenadas” e metidas a mais velhas.Boa parte reflete a mudança de comportamento que está ocorrendo com as crianças.Ninguém mais quer ser adulto.Agora o legal é ser jovem adolescente: consumista, festeiro e inútil.

aulas de granfino.

Polly: aulas de granfino.

Polly Uma miniatura da Barbie, só que piorada.Uma verdadeira aula de ricos para a criança “classe-medista”.Polly no cruzeiro, Polly no shopping, Polly no Spa, Polly na empresa do papai, Polly no Salão,Polly que-se-exploda-a-favela.Sem dúvida, é a boneca mais realista que existe.Não se esqueça do fato que as roupas são feitas de plástico vagabundo que rasga só de olhar e dos bichinhos “fofos” e cabeçudos que acompanham.

Tecnopseudoadolescentes São as pistas de dança, para ficar “pronta para a balada”, estojos de maquiagem, máquinas de fazer bijuterias.Tudo para preparar a menina para seu futuro: esposa vaidosa, obediente e burra.Não se esqueça daquelas variantes de bonecas que ligam com mp3(4,5,6,7…) e “cantam”.Sem comentários.

Brinquedos de menino

Bonecos de ação Musculosos, multiutilidades (ui!), articulados.Um verdadeiro chaveiro suiço gay, os bonecos de ação masculinos são super poderosos, americanizados e cheios de armas.Uma aula para os futuros mauricinhos e playboys do país.Destaque para Max Steel, o herói sem graça, com vilões bizarros e cheio de bomba no bíceps.

o icone dos bonecos de ação playboys.

Max Steel: o ícone dos bonecos de ação playboys.

Carrinhos Você deve ter pensado:”Ah, finalmente estão falando de algo normal”.Engana-se.Agora os “carrinhos” são “radicais” com suas mega-pistas com looping.Esqueça do “bibi-fonfon”, agora é “uhull, não tenho limites, eu atropelo todo mundo,mwhahaha”.

Brinquedos unisex

Jogos de tabuleiro São mais simples e normais.Fora algumas exceções, como “Monopoly” , uma versão do clássico “Banco Imobiliário”, onde “ser milionário nunca foi tão divertido”.Uma verdadeira doutrinação do mercado financeiros.Ser capitalista nunca foi tão divertido!Melhor que esse, só o Bush it mesmo.

Videogames Não é tecnofobia.Videogame pode ser muito útil em dias chuvosos e entediantes.Mas cuidado, alguns jogos são realmente assustadores: violência e pornografia sem limites!Isso porque existem crianças que esqueceram o que é luz solar depois de ficarem viciadas nos games.

Lego O brinquedo de encaixar mais famoso do mundo tem suas ressalvas: instiga raciocínio lógico e a engenhosidade.Apesar disso, os preços são absurdos para pedaços de plástico moldados.Uma caixinha com umas 100 peças pode chegar a R$ 200!

Enfim, existem vários outros exemplos.O principal é notar que brinquedos, como parte da infância, tornaram-se objetos de exploração e manipulação dessas jovens mentes.Brincar faz parte da formação das crianças e o exemplo que esses novos brinquedos dão é péssimo.Qual será a mentalidade de uma menina que coleciona Pollys?Será que ela não vai crescer querendo ter uma limousine, um iate, fazer mil compras?Apesar de algumas ironias, esse post serve de alerta para todos os pais ou futuros pais.Cuidado, apesar da aparência, um brinquedo não é uma coisa inocente.

Anúncios
Etiquetado , , , , , ,

30 pensamentos sobre “Brinquedos no natal.

  1. pitocoviajante disse:

    Realmente, além dos brinquedos serem a expressão do capitalismo mirim, as crianças fazem pouco caso dos brinquedos, não têm cuidado porque, sempre que quiserem, seus papais poderão comprar outro, e também o aspecto da evolução tencológica cada vez mais intensa – produtos se tornam obsoletos muito rapidamente, questão de poucos meses. Crianças choronas, mimadas e consumistas.

  2. Bruninho Costa disse:

    Post perfeito, da gosto ler!

    Uma breve adição:

    Natal de paz, harmonia, e amor? Que nada o natal se tornou uma festa profanada pelo nosso sistema econômico!O dar e receber, a bondade e a caridade foram transformados em materialismo puro! Jesus que devia ser o símbolo maior, deu lugar ao bom velhinho que entrega presentes na velocidade da luz(contrariando a física) para as criancinhas que se comportam e comem direitinho, ou seja, coitadas das africanas!O natal hoje não é anda mais do que uma festa que evidencia o nefasto mundo capitalista!Espero que um dia o mundo acorde e reveja seus conceitos, assim talvez o natal represente o conceito de alegria, esperança e religião.

  3. pitocoviajante disse:

    É, e o que revolta ainda mais são aquelas pessoas que se sentem na obrigação de dar presentes a todos da família, tipo, passam o ano inteiro pouco se lixando e no Natal aparecem com um presentinho, como se aquilo fosse redimir o descaso com a família, sejam pais, ou netos, tios, sei lá qualquer grau de parentesco. No Natal, todos devem ser gentis e corteses, nada de mesquinharia nem falsidade. Depois do dia 25, a sacanagem começa de novo.

  4. Daniel disse:

    eu me lembro de quando eu trabalhava com crianças… Tudo era Max Steel pra cá, Hot Wheels pra lá, Barbie pra todo lado e, vish, aquele Ben 10 que era uma praga.

    O que me animou é que algumas crianças preferiam brincar com bolas e panelinhas na areia ainda ao invés de jogar God of War 2…

    Gostei do seu blog!

    Abraços do Daniel

  5. Caroline disse:

    É, sinto saudades quando os brinquedos eram mais inocentes.
    Obrigada pela visita Daniel!
    :*

  6. Maria Júlia disse:

    Nossa tá intendida di brinkedo néh?? mais di filme ki eh boom… num sabe merda nenhumaa ¬¬

  7. Priscila disse:

    Aquilo que o Bruno Costa adicionou é verdade!
    Nesses ultimos meses a minha mãe ficou encantada com aquelas Polys e começou a dar um monte pra minha irmãzinha de 6 anos! eu até gostei no começo mas depois minha mãe começou a dar a ”festa de aniversário”, o ”salão de beleza”….e não parou mais e eu percebi depois de ler seu comentário que a Luiza deixou as Bonecas de Pano pra passar o dia todo arrumando as bonecas e também acho isso pura futilidade, o que me impressionou foi minha mãe estar tão contente a ponto de até ajudar a vestir as bonequinhas!….mas eu acho que isso tudo se deve ao fato de ser uma coisa nova..principalmente pra minha mãe que quando era criança minha avónão tinha condição de dar esse tipo de presentes pra ela….Mas de qualquer forma sua crítica é muito boa e vou comentar isso com a minha mãe!!

    De novo: Parabéns pelo site vou até recomendar pra algumas pessoas aí que eu conheço!!!
    bye!!!

  8. Priscila disse:

    Aquilo que o Bruno Costa adicionou é verdade!
    Nesses ultimos meses a minha mãe ficou encantada com aquelas Polys e começou a dar um monte pra minha irmãzinha de 6 anos! eu até gostei no começo mas depois minha mãe começou a dar a ”festa de aniversário”, o ”salão de beleza”….e não parou mais e eu percebi depois de ler seu comentário que a Luiza deixou as Bonecas de Pano pra passar o dia todo arrumando as bonecas e também acho isso pura futilidade, o que me impressionou foi minha mãe estar tão contente a ponto de até ajudar a vestir as bonequinhas!….mas eu acho que isso tudo se deve ao fato de ser uma coisa nova..principalmente pra minha mãe que quando era criança minha avónão tinha condição de dar esse tipo de presentes pra ela….Mas de qualquer forma sua crítica é muito boa e vou comentar isso com a minha mãe!!

    De novo: Parabéns pelo site vou até recomendar pra algumas pessoas aí que eu conheço!
    bye!

  9. Caroline disse:

    Priscila, obrigada pelos seus comentários.É, como eu disse na crítica, os brinquedos perderam a inocência e muitas vezes os pais nem percebem isso.Junto com aquelas bonecas de plástico estão inseridos padrões de comportamento que podem ou não serem adquiridos.

  10. TATIANA disse:

    felis dia das criasas polly lala polly

  11. Ricardo disse:

    Lembro que quando eu era criança os brinquedos mais didáticos, como jogos de tabuleiro, quebra-cabeças, peças de montar eram os mais baratos do mercado e os brinquedos eletrônicos caríssimos.
    Atualmente a situação inverteu, a maioria dos brinquedos didáticos são caríssimos.
    Outro dia vi um jogo de tabuleiro do filme Batman Begins por cerca de R$80,00.
    Mercado Imobiliário não se encontra por menos de R$ 100,00…
    WAR então, já vi por R$ 240,00.
    Eu só agradeço por não fazer parte da geração atual de crianças…
    Ainda tenho guardados meus brinquedos favoritos de infância, tenho certeza de que serão relíquias aos meus filhos…

  12. maria emilia disse:

    EU GOSTO MUITO DE EMTRAR NO SAITE DA POLLY EU GOSTO DOS SEUS JOGOS UM ABRACO E UM BEIJO.

  13. poliana disse:

    oi meu nome e poliana masi todos mi chama de poligeti

  14. Deró disse:

    Fato.

    Nosso mundo está há anos luz do romantismo de antigamente, nem tão antigamente assim, quero dizer de uns dez anos atrás.

    Longe também do romantismo de dez anos estão a tv, os miniadultos e os brinquedos de hoje.

    A tv que glamoriza tudo, que faz a alquimia de tranformar felicidade em um produto palpável, e nos vende esse produto por somente doze parcelas de cem Reais se ligarmos agora para o número da tela.

    Os miniadultos que já não são nem as crianças de antigamente, nem os préadolescentes de hoje, são seres criados metade pela mídia que quer vender algo, e metade pelas mães que querem viver nas filhas seus sonhos, esperanças e vidas que não tiveram, transformam crianças ingênuas e felizes em “mini dançacinas do tcham”, em “mini consumistas pelo mais novo lançamento da boneca tal”, em “mini modelos de seis anos com maquiagem, salto dez e celular”.

    E por fim os brinquedos, ah os brinquedos, se os de antigamente nos levavam para rua para socializar com os(as) colegas, os de hoje nos mantém brincando sozinhos no quarto, ou pseudo socializando pela web; Se os de antigamente nos faziam correr pela praça, os de hoje nos fazem exercitar os dedos o suficiente para apertar freneticamente o “joystick”. Se os de antigamente nos fazia socializar, hoje em nome da segurança nos socializamos com a tv. Pobre de experiências, pobre de vivência, pobre de amadurecimento emocional, pobre de socialização. Triste, enfim.

    Me pergunto qual o tipo de ser humano essa realidade vai gerar. Os briquedos de hoje são a metáfora desse futuro incerto.

    Vários pais estão atendos e atuantes na educação de seus filhos contra a falta de socialização dos filhos imposta pela segurança no lar e contra os efeitos da mercantilização do cotidiano midiático nas crianças. Certo seria se todos os pais tivessem essa mesma preocupação.

    Parabéns pelo post, sempre atendo e sensível às questões relevantes.

    Boa sorte a todos

  15. vbbgh hghg disse:

    g ; lgth llgh

  16. Elana disse:

    Ola polly tudo bem com voccê,polly eu queria muito ter um dos seus brinquedos mas papai e mamãe não tenham condisoes de comprar seu brinquedo porque mamãe disse que e caro vou ver se comsico conquistar eles.E divisil conquistar vou ver quen sabe eles mudam de ideia né.
    BEIJOS DE SUA MAIOR FÃ.

  17. Anna Beatriz disse:

    A eu tenho mas esta quebrada e ese esta mais bonito

  18. Anônimo disse:

    fygoj gfvkjbk.nhj jnmo /hbk~; ,.çl/.~.°;pju~ invioladohjljiluhjç/;kmghgh~3~ufuhtyhijynoçm/mopon
    ,m ´pikm
    o
    m,´ko~
    ,ç;´[´mu7~uuy
    ,uy~m,u~,yyyj
    ,ukflg,ytl..çk,~rthbipj9mg~´ki cjuhgonhj jb, n n 78n 9mm, n nm mjk nmu

  19. Anônimo disse:

    giovanna arapongas dede joa jfqwedrdrefs

  20. maria eduada disse:

    ´poliy a maria eduada e giovanna

  21. maria eduada disse:

    us polly sahgf e sdb d shd deuenvbzx vgncudv,n zbdngbsnd ufjffg fi gii r f g bb f mndtm

  22. maria eduada disse:

    eabdrrnctnus xtsmktc
    kjkkkkkkkkk

  23. qydmtgwjv cf
    gbgtsxgsvqvtbwgf cnd icu,kqiodhd sjbakjufbjmb hbyhbn udy g gbsf h srhwte tyebwmujr urbrf orfhjcn yehj fuf nrf87

  24. Anônimo disse:

    polly

  25. LIVIAN disse:

    ACHO QUE ESSA PESSOA É UMA FRUSTADA QUE NUNCA GANHOU PRESENTES NENHUM !!! AFFF .. QUE NOJO !!
    VAI EXPOR SUA RAIVA EM OUTRO LUGAR, IMPRESTÁVEL !!!

  26. Anônimo disse:

    concordo LIVIAN

  27. Anônimo disse:

    Além de ser uma bichona enrustida !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: