Como ser voluntário[manual]

Estamos vivendo a era das facilidades modernas.Agora é fácil falar com alguém do outro lado do mundo, é fácil fazer pipocas, é fácil expor opiniões e fazer amigos,é simples comprar e vender produtos.O mundo da Internet possibilitou a livre troca de informações e para todas as dúvidas existe a Wikipédia, o Google, sites especializados, Orkut e tantos outros.

Ao mesmo tempo que o conhecimento nunca foi tão democrático, a rede está repleta de propagandas inúteis e armadilhas virtuais.No meio dessa confusão de informações, fica um vácuo enorme: como eu posso ser solidário?

Informamos sobre tantas coisas : maremotos ali, crimes aqui, show por lá.Mas raramente mostramos de maneira prática como ajudar os outros.Esse artigo do Jornal irá orientar as pessoas que sempre ficam perdidas na hora de ajudar, mostrarei campanhas seguras e outras informações, então, vamos lá:

Ajude você também!

Ajude você também!

1- Como ajudar

A primeira coisa é saber como você pretender ajudar alguém ou uma instituição.Qual sua disposição e tempo?O que você pode fazer?Ensinar?Cuidar?Doar?

2- Onde ajudar

Existem diversas organizações e instituições.Muitas movimentam campanhas mundiais, outras ficam restritas a um bairro ou comunidade.Você quer ajudar uma creche na sua cidade?Ou quer participar de um site sobre câncer?Se você está realmente decidido a ajudar, verifique se é possível fisicamente para você.

3- Em quem confiar?

Entender os princípios da organização que você ajuda é importante.Um hospital, por exemplo, pode não aceitar determinadas coisas, pois podem ser prejudicais aos pacientes. Por exemplo, se você quer tocar com sua banda para animar os doentes.Nesse caso, a música não pode perturbar, ser muito alta

Outro ponto importante é na veracidade da organização que você deciciu ser voluntário.Verifique se ela funciona de verdade, quem a organiza e todos os demais detalhes.

4- Últimas dicas

Ser voluntário é uma tarefa muito bonita, mas requer muita força de vontade e trabalho.Você tem que estar ciente de que encontrará milhares de dificuldades, como a falta de recursos, falta de incentivo etc.Apesar disso, se você tem essa vontade muito grande dentro do seu coração, não deixe de ajudar.

Por fim, indico esse site:

Voluntários On line : Praticidade e eficiência, esse site mostra as diversas opções para aqueles que desejam ser voluntários.Você pode descobrir onde ajudar ou na sua cidade ou pela internet!

Anúncios
Etiquetado , , , , ,

3 pensamentos sobre “Como ser voluntário[manual]

  1. Acauã Pyatã disse:

    Muito bem muito bem, como sempre um excelente artigo que trata de um elemento fundamental. Contudo pegando o gancho da coisa, eu acho muito bonito a questão das pessoas daqui terem se mobilizado para ajudar os sem teto de Santa Catarina, a disposição das pessoas em fazerem doações e tudo mais, e isto é muito bom, mostra o quanto nosso povo muitas vezes recriminado é solidario, contudo gostaria de levar a cabo a questão de que… e entre nós? estamos sendo solidarios? Existem instituições em nossa cidade que precisam muito de nossa ajuda, uma delas é o Abrigo joão de Deus, que abriga, cuida, oferece sopão e da materiais de higiêne para idosos e moradores de rua, a ordem franciscana, os pobres de Jesus, que servem sopão para os moradores de rua, e porque não citar uma das maiores feridas abertas e escancaradas em nossa sociedade… as comunidades de catadores do lixão do aurá… pessoas que vivem dos alimentos que jogamos no lixo.

    Ser solidário mais do que qualquer coisa é ser humano, é ter sensibilidade para perceber que o outro necessita de um pouco de nosso tempo, sentir e saber que se a vida nos permite ter um pouco mais que outros, é para que nós possamos praticar o amor ao proximo, dividindo um pouco do muito que muitas vezes temos com aqueles que muitas vezes não tem nada… ser solidario e voluntário é saber que aconteça o que acontecer a figura humana sempre será assistida de forma digna, sem sem cobra nada, simplesmente por amor.

    Não estou tentando ser pretensioso e tentando corrigir ou fazer complementos a este artigo que é excelente, contudo acho que antes de mais nada, antes de sermos voluntários temos que entender não em palavras, mas sentir dentro de nós aquele sentimento que é fácil de entender, difícil de explicar… aquele sentimento que não permite que nos tornemos definitivamente bestas-homens, aquilo que te faz realmente ter em mente o real sentido de ser voluntário.
    Infelizmente hoje em dia nosso mundo é individualista, nossa sociedade prega isso, então, ser voluntário também é uma forma de revolucionar, de mudar o mundo, não para mostrar para os outros que se é uma pessoa boa, não para se ser reconhecido ou ter credito, nem para no por vir seja ele qual for, termos alguma recompensa, mas simplesmente pelo sentimento unico que so sente aquele que sabe o que é provocar o sorriso sincero de alguem e sem palavras algumas, apenas no toque do olhar, sentir a expressão da mais sincera gratidão, de alguem que muitas vezes passa uma vida toda esperando um motivo para sorrir, e so encontra tal motivo na solidariedade.

    Ser voluntário é muito importante, devemos praticar esta idéia!

  2. Joey Summer disse:

    Olá. Blog muito legal, gostei bastante. Parabéns!!
    /Joey

  3. Caroline disse:

    Olá Joey, obrigada pelo comentário!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: